Quem está reformando um cômodo para receber um novo membro na família pode ficar em dúvida sobre várias coisas. E uma delas é qual o melhor piso para o quarto do bebê? Principalmente pais e mães de primeira viagem podem não saber bem o que fazer, o que pode atrasar a obra e causar alguns problemas quanto a data de entrega do projeto pronto.

Decoração para quarto de bebê

Fonte: Weatherill Interiors.

A verdade é que não existe um piso certo ou errado, mas algumas características de determinados revestimentos podem contribuir com a criação de um ambiente mais bonito e confortável para o bebê, o que ajuda muito em seu desenvolvimento.

É comum, por exemplo, uma grande preocupação com a limpeza, o que pode levar a instalação de pisos frios, como porcelanatos e cerâmicas. Esses materiais são realmente muito fáceis de limpar, além de oferecer uma ótima durabilidade quando instalados corretamente, o que faz com que seja desnecessário realizar novas reformas no espaço.

Entretanto, como o próprio nome já diz, pisos frios são realmente frios, o que pode ser ótimo quando o tempo está mais quente, pois o ambiente fica mais fresco. No entanto, durante as épocas mais frias, ele pode ser um pouco desconfortável, principalmente para quem tem o costume de andar descalço. Se você pretende investir em um piso frio para o quarto do bebê, pode precisar de alguns tapetes.

Já os pisos de madeira proporcionam conforto térmico e muita elegância. Quando bem conservados, os pisos de madeira tendem a durar muitos anos, dispensando sua troca. Para regiões frias, a instalação de piso de madeira no quarto do bebê pode ser uma ótima opção, tendo em vista que a criança poderá engatinhar e brincar sobre ele sem ficar exposta ao frio.

Qual o melhor piso para o quarto do bebê?

Fonte: YDC Design.

O piso laminado costuma ser uma saída mais barata para quem deseja um visual amadeirado mas não pode investir tanto em um revestimento. Eles costumam oferecer ótima durabilidade e um visual bonito e elegante. Além disso, sua colocação é muito simples e pode ser executada com certa rapidez, o que é uma grande vantagem ao se considerar o tempo hábil para decorar um quarto de bebê.

No entanto, uma reclamação comum entre pessoas que possuem piso laminado é o barulho. Às vezes, até o atrito da sola do sapato com o piso pode ser bastante barulhento e incômodo. Para diminuir esse efeito, é possível instalar uma malha antes do piso, que vai ajudar a absorver os impactos, minimizando os barulhos.

Outra opção de piso para o quarto do bebê são os vinílicos. Fáceis de instalar, esses tipos de piso podem, inclusive, ser colocados sobre pisos anteriores. Além disso, os pisos vinílicos oferecem uma certa maciez que pode ser bastante agradável para bebês que estão engatinhando, absorvendo bem os impactos, o que ajuda a promover segurança e diminuir os ruídos.

Revestimentos para quarto de bebê

Fonte: LG Construction + Development.

Pisos de vinil são fáceis de limpar e estão disponíveis em uma infinidade de cores, o que torna possível criar belas combinações e um ambiente mais lúdico para o bebê. Porém, a umidade costuma comprometer a fixação do piso vinílico, por isso ele não deve ser lavado. Além disso, a queda de objetos pode estragar seu visual, marcando e, às vezes, até cortando a superfície.

Agora que você já sabe mais sobre os diferentes tipos de materiais e revestimentos, já sabe qual o melhor piso para o quarto do bebê?

Comentários

comentários